Notícias SINDAEMA

07 de junho de 2018 às 18h17

TRT mantém decisão que declara nula a dispensa do trabalhador

O diretor do Sindaema, Antonio Casemiro Dos Santos Neto, havia sido dispensado por justa causa, de forma injusta e infundada, por suposta alegação de ter se envolvido em uma confusão com um cliente da Cesan durante um atendimento no escritório.


Nesse contexto, a 11ª VARA julgou procedente o pedido do nosso jurídico para declarar NULA a dispensa do empregado, determinando sua reintegração e o pagamento dos salários do período de afastamento.


Na quinta-feira (25/05)  o TRT manteve  essa decisão. Com o TRT julgando nossa ação procedente,  demos mais um passo para comprovar que a dispensa do trabalhador foi totalmente irregular e desprovida de qualquer fundamentação. 

 

Para o advogado do sindicato, Ygor Tironi, essa vitória foi importante por reverter a dispensa do trabalhador, mas também para mostrar que práticas anti-sindicais não serão toleradas e que todas as medidas judiciais pertinentes serão tomadas caso episódios da mesma natureza voltem a ocorrer.

 

O presidente do Sindaema, Fábio Giori, reforçou  que o sindicato, por meio do seu jurídico, lutará sempre para impedir que atitudes arbitrárias da Cesan possam, de forma injusta, prejudicar qualquer empregado.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O SINDAEMA


O Sindicato dos Trabalhadores em Àgua, Esgoto e Meio Ambiente do Espírito Santo completou 50 anos de história em 2013. Possui cerca de 2 mil associados – são trabalhadores da Cesan e dos Saaes, Serviços Municipais de Água e Esgoto. Sua sede está localizada no Bairro do Moscoso, em Vitória.