Notícias SINDAEMA

14 de junho de 2018 às 16h15

ACT com a Tubomills representa vitória da união

Na manhã da terça feira (12/06) foi aprovado o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT)  com a Tubomills em assembleias realizadas nos canteiros de Cariacica e Vila Velha.  

 

Para os diretores do Sindaema , diante do quadro de incerteza vivido pela empresa, que não sabe se vai conseguir renovar o contrato da Grande Vitória,  o acordo coletivo foi positivo na medida que avançou em vários pontos e manteve as conquistas trabalhistas do ACT anterior.

 

Segundo o Secretário Geral do Sindaema, João Ramos, o momento econômico, político e social é complicado e dificulta  conquistas trabalhistas. “Estamos vendo várias categorias lutando para manter os empregos dos seus trabalhadores. Nós conseguimos  avançar, em vários pontos, em um momento de incerta para os trabalhadores das empresas privadas”, ressaltou.

 

Para o presidente do Sindaema, Fábio Giori, a reforma trabalhista trouxe mais dificuldades  para os trabalhadores brasileiros. “Temos visto sindicatos com dificuldades extremas para manter direitos e avançar nas negociações coletivas.  Nesse contexto os nosso filiados  podem se sentir vitoriosos, já que não só conseguimos a manutenção dos direitos adquiridos no último ACT como conseguimos reajustes ”, afirmou.

 

 

Segundo Leopoldino Batista  toda a negociação com a Tubomills foi difícil, visto que houve uma resistência da empresa em negociar qualquer tipo de acordo.

“Nós conseguimos o melhor acordo possível diante de todo o contexto e, mais especificamente, diante das dificuldades que essa empresa vive”, concluiu

 

Os diretores do Sindaema ainda ressaltaram, em uníssono, que a união e determinação dos trabalhadores foram fundamentais para que essa vitória fosse alcançada.

 

Confira as conquistas dos trabalhadores da Tubomills:

 

  • Reajuste salarial  de  1,5%
  • Reajuste alimentação 1,5%
  • Piso salarial de R$1.174,00
  • Folga dia do trabalhador(a) do saneamento 22/03
  • Regra de transição
  • Não realização da cláusula de arbitragem
  • Manutenção de todos os benefícios conquistados nos ACTs anteriores

 

 

Entenda o caso da negociação do Acordo Coletivo com a Tubomills 

 

 

Este ano o Sindaema protocolou a pauta de reivindicações em fevereiro e desde então a empresa vinha se mostrando pouco disposta  em negociar com o sindicato e os trabalhadores. Durante todo este período foram realizadas somente duas reuniões de negociação, sendo que a empresa chegou a apresentar uma proposta de reajuste pela inflação nos salários e tíquete alimentação, mas na última reunião a empresa voltou atrás e ofereceu uma proposta de reajuste de 1%.

O sindicato rejeitou a proposta na mesa e apresentou uma contraproposta. Diante da contraproposta a empresa ficou de enviar ofício com a resposta até o dia 28/05, porém até dia 05 de junho  a empresa ainda não havia respondido ao sindicato.

 

Diante do impasse  e do pouco interesse da empresa, o Sindaema   publicou, no dia 05/06, edital de convocação de assembléia para o dia 12/06, às 07:00h da manhã , no canteiro de Vila Velha e Cariacica. O edital prevê a apresentação da proposta da empresa e a deflagração de greve caso a empresa não atenda a contraproposta da categoria.

 

Diante do impasse e do desrespeito da empresa não havia  alternativa aos trabalhadores que não fosse a aprovação da greve.  Neste momento a Tubomills entrou em contato com o sindicato propondo o acordo que foi aprovado pelos trabalhadores.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O SINDAEMA


O Sindicato dos Trabalhadores em Àgua, Esgoto e Meio Ambiente do Espírito Santo completou 50 anos de história em 2013. Possui cerca de 2 mil associados – são trabalhadores da Cesan e dos Saaes, Serviços Municipais de Água e Esgoto. Sua sede está localizada no Bairro do Moscoso, em Vitória.